nTurismo – conheça o mundo

visite o mundo sem sair de casa

Grand-Place

Bruxelas, Capital da Europa, é uma cidade cosmopolita, com uma vivacidade e um apelo que estão intimamente relacionados ao seu papel como um cruzamento para toda a Europa. Cabe a definição de arquétipo do ‘melting pot’, mas ainda mantém seu próprio caráter original.

Bruxelas hospeda as principais instituições políticas da UE, o Tratado de Amesterdão. Bruxelas é oficialmente a sede da Comissão Europeia e o Conselho da União Europeia.

Embora historicamente Neerlandófona, Bruxelas tornou-se cada vez mais língua francesa ao longo dos séculos XIX e XX. Hoje a maioria dos habitantes são nativos francófonos, e ambas as línguas têm estatuto oficial. Tensões linguísticas continuam e as leis de linguagem dos municípios em torno de Bruxelas são um assunto de grande controvérsia na Bélgica.

arquitetura em Bruxelas é diversa e estende-se desde as construções medievais no Grand Place aos edifícios pós-modernos das instituições da UE.

As principais atracções incluem a Grand Place, desde 1988, como Património Mundial da UNESCO, com a Câmara Municipal gótica no centro antigo, a St. Michael and Gudula Cathedral e o Castelo de Laeken, com suas grandes estufas. Um outro marco famoso é o Palácio real.

.

Brussels, the Capital of Europe, is a cosmopolitan city, with a liveliness and an appeal that are intimately related to its role as a crossroad for all of Europe. It fits the definition of the archetypal of “melting pot”, but it still retains its own unique character.

Brussels hosts the major political institutions of the EU of the Treaty of Amsterdam. Brussels is officialy the seat of the European Commission  and the Council of the European Union.

Although historically Dutch-speaking, Brussels became increasingly French-speaking over the 19th and 20th centuries. Today a majority of inhabitants are native French-speakers, and both languages have official status. Linguistic tensions remain, and the language laws of the municipalities surrounding Brussels are an issue of considerable controversy in Belgium.

The architecture in Brussels is diverse and spans from the medieval constructions on the Grand Place to the postmodern buildings of the EU institutions.

Main attractions include the Grand Place, since 1988 a UNESCO World Heritage Site, with the Gothic town hall in the old centre, the St. Michael and Gudula Cathedral and the Laken Castle with its large greenhouses. Another famous landmark is the Royal Palace.

 

(c) images Viktorhauk

turista • 18 de Outubro de 2012


Previous Post

Next Post

Deixar uma resposta

Your email address will not be published / Required fields are marked *